Como revolucionar o atendimento no seu restaurante com um único treinamento?

O que pode irritar mais um cliente do que um produto de má qualidade? Certamente, um atendimento ruim está entre os principais motivos pelos quais os consumidores optam por comprar ou não de determinada marca.

Quando o assunto é o atendimento no seu restaurante, o cenário pode ser ainda mais preocupante, já que, com fome, pressa e buscando por uma boa experiência, ser mal atendido é considerado inaceitável pelo público.

Se o atendimento no seu restaurante precisa de atenção, ou se você busca por melhorias simples, o treinamento da equipe é essencial. Seguindo alguns passos básicos, é possível definir um modelo de treinamento simples e que funcione para oferecer o melhor atendimento aos clientes.

Pensando nisso, reunimos algumas dicas para elaborar o treinamento perfeito para sua equipe. Vamos conferir?

Prepare-se primeiro

Antes de começar o treinamento da equipe, prepare-se como líder. Isso quer dizer que antes de instruir os funcionários ou compartilhar conhecimentos, é importante que você tenha segurança do que está falando e saiba a forma como vai transmitir as informações.

Nessa hora, vídeoaulas, artigos, materiais educacionais, cursos e dicas de órgãos como o Sebrae são uma mão na roda para os empresários da área.

Você também pode usar das informações e conhecimentos adquiridos para levar materiais interessantes nos treinamentos. Vídeos, imagens, infográficos e outros materiais que atraiam a atenção do time são mais que bem-vindos!

Tenha um cronograma

Para começar o treinamento de forma organizada, tenha em sua agenda datas definidas para realizá-los. Você pode pensar em formatos que levem um dia ou uma semana, de acordo com o conteúdo a ser abordado.

No caso da equipe de atendimento no seu restaurante, você pode separar os dias de acordo com os cargos e funções. Por exemplo, dia 1 para garçons, dia 2 para atendentes de caixa ou de pedidos de delivery, dia 3 para entregadores, e dia 4 para um treinamento geral de todos eles.

Lembre-se, você pode realizar um único treinamento para todos eles, a dica aqui é dividir os dias/equipes apenas para que não seja cansativo ou pesado, mas a lógica para todos é a mesma!

Mostre a importância do trabalho de cada um

Para um treinamento eficaz, você precisa pensar no conteúdo a ser abordado, independentemente da equipe que está sendo treinada, pois é fundamental que todos estejam cientes dos processos envolvidos em sua função ou em suas tarefas cotidianas.

Por isso, desde o início das atividades de um novo funcionário, converse e repasse tudo que o cargo envolve e, se possível, tenha um passo a passo ou mapa de funções impresso para trabalhos que envolvam atividades mais específicas, como um roteiro de atendimento telefônico, por exemplo.

Com as funções bem explicadas, certifique-se de exaltar a importância do trabalho de cada um para o processo todo. O funcionário precisa saber que o sucesso do restaurante, e nesse caso, do atendimento no seu restaurante, depende de quão bem ele vai executar sua função.

Mantenha uma postura aberta e receptiva

Durante os treinamentos, mantenha-se aberto às dúvidas, sugestões e críticas da equipe. É importante que essa postura seja coerente com a forma como você se dispõe aos funcionários diariamente, de modo que haja segurança em dar um feedback sem ser repreendido.

Funcionários mais antigos, geralmente, tem mais liberdade para falar. No entanto, membros mais novos também podem ser estimulados a participar, lembrando sempre da importância que eles têm para o restaurante e sem que isso gere algum desconforto. 

Peça a opinião da equipe sem pressão, de forma natural, para que estes feedbacks sejam cada vez mais espontâneos. No treinamento, você pode criar espaços com uma hora para ouvir cada um, ou deixar um tempo livre para quem quiser expor seus pontos.

Estimule a interação no treinamento

Outro ponto fundamental para melhorar o atendimento no seu restaurante é estimular que os membros interajam a fim de criar boas relações de trabalho. Faça um dia de interação para cada novo funcionário apresentando-o à equipe e ao espaço; mostre as instalações; explique a função de cada um; descreva o cardápio e a forma como os pratos são preparados.

Este é um requisito para que o atendimento no seu restaurante seja bem feito, pois garante que seus funcionários, principalmente os atendentes, tenham segurança e transparência ao atender os clientes.

Além disso, uma equipe bem integrada tem mais chances de desenvolver um trabalho fluido e tranquilo, sem conflitos e com menos erros, tanto nos pedidos, como na forma de realizar o atendimento.  

O atendimento no seu restaurante depende de todos

Para o atendimento no seu restaurante funcionar, todos os membros da equipe devem ser treinados, do pessoal da cozinha até os garçons e entregadores, no caso do delivery.

É que a operação do restaurante é formada por processos, e se não houver uma preocupação constante em fazer o trabalho bem feito em todos eles, o atendimento é prejudicado.

Por exemplo, de que adianta o garçom realizar um trabalho impecável se na cozinha os processos são desorganizados, o que gera demora no pedido? O cliente será impactado do mesmo jeito. O mesmo problema acontece se seus entregadores não forem bem instruídos no caso dos pedidos para entrega. Pense nisso!

Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário! Confira também o nossos posts sobre ideias para implementar na gestão de equipes e como coordenar a equipe quando o restaurante está cheio. Nosso blog está repleto de conteúdos que vão ajudar você e sua equipe a trabalhar melhor para vender mais. Acesse e confira!