Como faço para o prato chegar em boas condições na casa do cliente?

Sabemos que o delivery é um modelo de vendas que vem ganhando cada vez mais o interesse do público na área gastronômica. E não é pra menos, já que o sistema de vendas por entrega cresce a cada ano e representa um aumento significativo nas vendas dos restaurantes.

Mas, para trabalhar com delivery, é preciso pensar em cada detalhe e garantir que a qualidade do produto que chega até a casa ou o ambiente de trabalho do cliente seja tão boa quanto a de pratos servidos na hora, não é mesmo?

Sendo assim, o prato chegar em boas condições até o consumidor é uma exigência que deve ser pensada na hora de planejar seu sistema de entregas e garantir a satisfação do cliente. Esse é um item tão importante quanto um bom atendimento e agilidade.

Neste texto, trouxemos os principais pontos a serem levados em conta para o prato chegar em boas condições até seu destino final. Vamos conferir?

Preze pela temperatura ideal

Nada pior do que pedir uma pizza ou um marmitex e receber a comida gelada, dura, com consistência emborrachada, ou ainda, pedir uma bebida e recebê-la quente. Essas são situações pelas quais o cliente não quer passar e que você deve evitar ao máximo.

Para o prato chegar em boas condições de temperatura, tenha em vista o tempo de preparo de cada item do seu cardápio e organize a cozinha para que não haja atrasos ou falta de algum ingrediente no momento de preparo. Além disso, pode ser necessário que o entregador utilize bolsas térmicas e leve menos pedidos de uma vez. As embalagens certas também são fundamentais!

Escolha a embalagem adequada

Além da organização no preparo, é importante que cada prato tenha sua embalagem de acordo com as características dos produtos, não só para manter a temperatura, mas para que o prato não desmonte ou vaze.

Por exemplo, para frituras como batatas, você pode utilizar embalagens de isopor com pequenos furos na tampa, garantindo a entrada de ar para que não cheguem murchas. Já no caso de bebidas em geral, procure utilizar embalagens com maior isolamento térmico.

Se os pratos do seu cardápio tiverem molhos ou complementos, é importante pensar em embalagens individualizadas, para que ingredientes não murchem ou percam a consistência, vazando e se misturando com o restante dos alimentos.

Considere alterações no cardápio

Falando nos produtos do seu cardápio, será que não seria interessante avaliar quais pratos são realmente proveitosos para o serviço de entrega? Talvez você consiga melhorar seu tempo de produção e até faturar mais, reduzindo as opções para as mais rentáveis.

Para saber se as mudanças são necessárias, procure pedir a opinião dos clientes sobre como o pedido chegou. Nesta hora, aplicativos de entrega como o iFood podem ser uma mão da roda, já que incluem as avaliações dos clientes como parte do processo de compra.

Se as reclamações forem recorrentes, pode ser o momento de repensar aquele item ou, quem sabe, adequar a embalagem para o prato chegar em boas condições. Muitas vezes, com pequenos ajustes você consegue resolver o problema.

Atenção às sobremesas e bebidas

Oferecer bebidas e sobremesas são uma ótima estratégia para tornar seu delivery atrativo, mas elas merecem tanta atenção quanto os pratos quando se trata da qualidade na entrega do produto para o cliente.

Preste atenção quanto ao tipo de sobremesa que você oferece e procure encontrar uma embalagem que respeite o formato e a textura do produto, evitando, assim, que uma cobertura ou calda vazem em embalagens mal fechadas, por exemplo.

Para as bebidas, cuidado ao manusear! Garanta que não sejam feitos movimentos bruscos tanto no momento de embalar quanto na hora na entrega. Ninguém vai gostar de receber um refrigerante sem gás ou que vaze ao abrir.

Conheça seu sistema de entrega

A entrega é uma peça fundamental para o prato chegar em boas condições até o cliente. Isso porque, durante o percurso, é comum que os veículos balancem ou passem por ruas esburacadas.

Para evitar problemas nesta etapa, certifique-se de escolher um serviço de entrega de qualidade, sendo ele próprio ou terceirizado. Conheça o veículo a ser utilizado e saiba se a caixa de transporte é apropriada para o tipo de produto que você oferece.

Além disso, é importante pensar no entregador como parte essencial para o prato chegar em boas condições. Por isso, converse com ele, explique as características do seu produto e peça para saber tudo que pode acontecer no percurso.

Nunca divulgue algo diferente do seu produto

Se você não quer que o cliente seja decepcionado com um pedido diferente do que foi realizado, tenha certeza de não estar divulgando uma imagem errada do seu produto. Isso pode acontecer se você utilizar fotografias de produtos de terceiros ou imagens da internet que não condizem com o seu produto real.

Lembre-se de descrever os pratos do seu cardápio de forma transparente e tirar dúvidas dos clientes quanto aos ingredientes e tamanho das porções oferecidas. Prefira utilizar fotos próprias, mas que estejam de acordo com o seu cardápio real.

Tão importante quanto o prato chegar em boas condições é chegar na hora certa

A transparência também deve ser um item obrigatório quanto ao tempo de preparo e chegada do pedido. Por isso, nunca estipule um tempo curto demais para atrair pedidos.

Seja sincero e passe uma estimativa de acordo com o tempo de preparo calculado para cada prato sempre que o cliente questionar. Os aplicativos de pedidos sempre mostram o tempo médio para que o produto chegue até o cliente e isso pode facilitar o processo.

Dessa forma, com uma margem segura de tempo, o cliente não ficará desesperado caso o pedido demore além do previsto e no caso de chegar mais cedo, ele terá uma boa surpresa. 

Ofereça uma experiência boa ao cliente

Fazer o prato chegar em boas condições é proporcionar ao cliente a experiência de comer bem sem sair de casa. Por isso, pense no serviço de entrega como uma extensão da sua cozinha até a casa do consumidor.

Capriche na organização, escolha as melhores embalagens, esteja atento quanto ao tempo de preparo e de entrega e sempre ouça o que o cliente tem a dizer para melhorar no que for possível. Com essas dicas, vai ser fácil ter um sistema de entregas de qualidade e seus clientes cada vez mais satisfeitos. 

Gostou das nossas dicas exclusivas sobre delivery? Conheça nosso blog sobre o assunto!